R

RELAÇÕES DE PRODUÇÃO || RELIGIÃO || REVOLUÇÃO

RELAÇÕES DE PRODUÇÃO. As actuações do homem sobre a natureza (processo de trabalho – veja PROCESSO DE TRABALHO -, processo de produção ou relações técnicas de produção) não são isoladas: na produção e distribuição necessárias ao consumo, o homem relaciona-se com outros seres humanos, sob uma forma social historicamente determinada, originando as relações de produção concretas dessa época.

Topo || Pesquisa

RELIGIÃO. Constitui um sistema unificado de crenças e práticas relativas a coisas sagradas, isto é, a coisas colocadas à parte e proibidas – crenças e práticas que unem, numa comunidade moral única, todos os que as adoptam (Durkheim).

Topo || Pesquisa

REVOLUÇÃO. Mudança brusca e profunda na estrutura social (veja ESTRUTURA SOCIAL) pelo seu alcance velocidade. Pode ser ou não acompanhada de violência e desorganização temporária. O essencial na revolução é a mudança brusca e não a violência que muitas vezes a acompanha.