o muro
 
AMOR
  A Felicidade bateu a tua porta,
Mas tu não quisestes abrir,
Pensavas que era a Felicidade,
Que te vinha a perseguir,
Voltou a bater com força.
Mas não insistiu,
Desceu as escadas,
Epara sempre partiu,
Deixando escrito,
Estas palavras fatais:
EU SOU A FELICIDADE,
E NÃO VOLTO NUNCA MAIS!!!!!!!!!

 APSF
ESFA DE MANGUALDE em 20-10-1998 16:50:34
[voltar ao indice]